DPO AS A SERVICE

DEVERES DO CONTROLADOR / PROCESSADOR (OPERADOR)


Assegurar que o DPO seja envolvido, de forma adequada e em tempo hábil, a todas as questões relacionadas com a proteção de dados pessoais;
 
Apoiar o DPO no exercício das funções, fornecendo-lhe os recursos necessários ao seu desempenho e à manutenção dos seus conhecimentos, bem como dando-lhe acesso aos dados pessoais e às operações de tratamento; ;
 
Publicar os contatos do DPO e comunica-los à autoridade supervisora;
 
O DPO não pode ser destituído nem penalizado pelo Controlador ou pelo Processador no exercício das suas funções. Muito mais fácil se estiver fora da estrutura da organização (DPO as a Service);
 
Os titulares dos dados podem contatar o DPO sobre todas questões relacionadas com o tratamento dos seus dados pessoais e com o exercício dos direitos que lhe são conferidos pelo presente regulamento.
 
O DPO pode exercer outras funções e atribuições, no entanto, o Controlador ou o Processador assegura que essas funções e atribuições não resultam num conflito de interesses (DPO as a Service).


Se quiser saber mais sobre este serviço, envie uma mensagem para contatos@ecconsulting.com.br.